BDPA - Bases de Dados da Pesquisa Agropecuária Embrapa
 






Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido      Imprime registros no formato resumido
Registros recuperados : 1
Primeira ... 1 ... Última
1.Imagem marcado/desmarcadoSOUZA, J. M. L. de; ÁLVARES, V. de S.; NÓBREGA, M. de S. (Ed.). Indicação geográfica da farinha de mandioca de Cruzeiro do Sul, Acre. Rio Branco, AC: Embrapa Acre, 2017. 155 p.

Biblioteca(s): Embrapa Acre.

Visualizar detalhes do registroAcesso ao objeto digitalImprime registro no formato completo
Registros recuperados : 1
Primeira ... 1 ... Última






Registro Completo

Biblioteca(s):  Embrapa Acre.
Data corrente:  19/02/2008
Data da última atualização:  01/11/2019
Autoria:  ALVARES, V. de S.
Afiliação:  VIRGINIA DE SOUZA ALVARES, CPAF-AC.
Título:  Pré-resfriamento, embalagem e hidratação pós-colheita de salsinha.
Ano de publicação:  2006
Fonte/Imprenta:  2006.
Páginas:  161f.
Idioma:  Português
Notas:  Tese (Doutorado em Fitotecnia) - Programa de pós-graduação em Fitotecnia, Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2006.
Conteúdo:  A salsinha, por ser folhosa, possui baixa longevidade após a colheita, dependendo, principalmente, das condições de armazenamento e pela perda de água após a colheita. No Brasil, a salsinha tem sido distribuída em temperatura ambiente, sem qualquer tratamento. O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito do pré-resfriamento, de pulverizações com água gelada, embalagens rígidas de polietileno tereftalato (PET) e da rehidratação das folhas sobre a conservação pós-colheita de salsinha lisa ‘Graúda Portuguesa’, armazenada a 5 e 25 ºC. O pré-resfriamento foi realizado pela completa imersão dos maços por 15 minutos na mistura a 4-5 ºC de gelo moído e água e a rehidratação foi realizada da mesma forma por maiores períodos e diversos tempos após a colheita. Avaliou-se a perda de massa das folhas frescas, quantidade de clorofila estimada pelo SPAD, o teor relativo de água e os teores de açúcares solúveis totais, açúcares redutores, açúcares não redutores e amido. Houve efeito do pré-resfriamento quanto à manutenção do peso das folhas nas primeiras 12 horas de armazenamento a 5 ºC e do teor relativo de água com rápido murchamento das folhas que não foram pré-resfriadas. O murchamento expressou-se visivelmente durante o período experimental, de modo que a perda de massa até o início do murchamento visual foi de cerca de 11% em relação à massa inicial. Entretanto, o tratamento com pulverização freqüente com água gelada (de 6 em 6 horas para o armazenamento a 5 ºC) foi mais eficiente q... Mostrar Tudo
Palavras-Chave:  Condições de armazenamento; Efeito do pré-resfriamento; Hidratação pós-colheita; Salsinha lisa Graúda Portuguesa.
Categoria do assunto:  X Pesquisa, Tecnologia e Engenharia
URL:  http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/CPAF-AC-2010/17073/1/virginiatese-doutorado.pdf
Marc:  Mostrar Marc Completo
Registro original:  Embrapa Acre (CPAF-AC)
Biblioteca ID Origem Tipo/Formato Classificação Cutter Registro Volume Status
CPAF-AC17073 - 1UPATS - DDTS 2006/014ALV2008.00334
Fechar
Nenhum registro encontrado para a expressão de busca informada.
 
 

Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área Restrita

Embrapa Informática Agropecuária
Av. André Tosello, 209 - Barão Geraldo
Caixa Postal 6041- 13083-886 - Campinas, SP
SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional