BDPA - Bases de Dados da Pesquisa Agropecuária Embrapa
 






Registro Completo
Biblioteca(s):  Embrapa Caprinos e Ovinos.
Data corrente:  08/08/2003
Data da última atualização:  08/08/2003
Autoria:  COSTA, R. L. D.; CUNHA, E. A.; FONTES, R. S.; SANTOS, L. E.; QUIRINO, C. R.; BUENO, M. S.; OTERO, W. G.; MADELLA-OLIVEIRA, A. F.
Título:  Avaliação de dois sistemas de aleitamento com ovinos da raça Santa Inês no desempenho ponderal dos cordeiros.
Ano de publicação:  2003
Fonte/Imprenta:  In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE ZOOTECNIA, 5.; CONGRESSO NACIONAL DE ZOOTECNIA, 13.; REUNIÃO NACIONAL DE ENSINO, 9.; FÓRUM DE ENTIDADES DE ZOOTECNISTAS, 2003, Uberaba. Ambiência: eficiência e qualidade na produção animal; anais. Uberaba: Associação Brasileira de Zootecnistas: Faculdades Associadas de Uberaba: Associação Brasileira de Criadores de Zebu, 2003. p.92-95.
Volume:  v. 2
Idioma:  Português
Conteúdo:  Trinta e nove cordeiros da raça Santa Inês foram utilizados para avaliar-se a influência da amamentação contínua ou controlada sobre o desempenho ponderal do nascimento até a desmama. A partir do 15° dia após o nascimento, ovelhas e cordeiros foram distribuídos em um dos seguintes tratamentos: T1 - amamentação contínua; T2 - amamentação controlada. O desempenho ponderal dos cordeiros foi determinado fazendo-se pesagens quinzenais desde o parto até o desmame. Foi avaliado o tipo de parto (TP- simples ou gemelar) e o sexo do cordeiro no peso ao nascimento (PN) e aos 15 dias (P15) e estes efeitos dentro dos tratamentos para desempenho ponderar das crias no peso aos 30 (P30), 45 (P45) e desmame (P60). O peso ao nascer (PN) foi influenciado (P< 0,05) pelo TP, sendo os cordeiros de parto simples mais pesados (4,40kg) do que os de parto gemelar (3,57kg) e pelo sexo, 4,26 kg para os machos e 3,71 kg para as fêmeas, permanecendo esta superioridade dos machos e dos cordeiros oriundos de parto simples até o desmame (P60). O tratamento com amamentação contínua determinou (P< 0,05) um peso maior aos cordeiros até o P45, não apresentando diferença estatística no P60. As médias de peso - P30, P45 e P60 - quanto ao tipo de parto e sexo do cordeiro dentro do tratamento não apresentaram diferença estatística. Foi concluído que o sistema com amamentação controlada é viável quanto ao desempenho ponderar dos cordeiros.
Palavras-Chave:  Amamentação; Raça Santa Inês.
Thesagro:  Aleitamento; Cordeiro; Ganho de Peso; Ovino.
Categoria do assunto:  --
Marc:  Mostrar Marc Completo
Registro original:  Embrapa Caprinos e Ovinos (CNPC)
Biblioteca ID Origem Tipo/Formato Classificação Cutter Registro Volume Status URL
CNPC15889 - 1ADDPL - --636C749a2620-p.92
Voltar






Ordenar por: RelevânciaAutorTítuloAnoImprime registros no formato resumido      Imprime registros no formato resumido
Registros recuperados : 1
Primeira ... 1 ... Última
1.Imagem marcado/desmarcadoNARVÁEZ, H. J.; FONTES, R. S.; CARVALHO, B. C. de; IGUMA, L. T.; SERAPIÃO, R. V.; CAMARGO, A. J. R.; OLIVEIRA, C. S.; SHIMODA, E.; MICAN, G. M. Effect of norgestomet on in vitro embryo production in Bos indicus and Bos taurus cows. Animal Reproduction, v.10, n.3, p. 522, Jul./Sept. 2013.
Tipo: Resumo em Anais de Congresso
Biblioteca(s): Embrapa Gado de Leite.
Visualizar detalhes do registroAcesso restrito ao objeto digitalImprime registro no formato completo
Registros recuperados : 1
Primeira ... 1 ... Última
Nenhum registro encontrado para a expressão de busca informada.
 
 

Embrapa
Todos os direitos reservados, conforme Lei n° 9.610
Política de Privacidade
Área Restrita

Embrapa Informática Agropecuária
Av. André Tosello, 209 - Barão Geraldo
Caixa Postal 6041- 13083-886 - Campinas, SP
PABX: SAC (19) 3211-5743
SAC: https://www.embrapa.br/fale-conosco

Valid HTML 4.01 Transitional